Mulheres e Soberania Alimentar – Sementes de mundos possíveis

Onde vive e quem produz a comida que chega até você?

Em um cenário de pandemia mundial, em que a população vivencia diariamente os resultados de um projeto político que tem como consequência uma crise econômica com impactos diretos na saúde pública, é preciso falar sobre os direitos dos povos em decidirem suas políticas de agricultura e produção de alimentos desde seus territórios e formas de viver.

A soberania alimentar, conceito que vem da luta popular de movimentos sociais, é uma das respostas a esse modelo de desenvolvimento que aprisiona, adoece e reproduz uma lógica patriarcal que invisibiliza o trabalho das mulheres. Mulheres que estão no campo, na cidade, nas florestas, nos espaços institucionais, na cozinha como espaço de luta e na reflexão sobre seus corpos e seus direitos. E são as vozes dessas mulheres que precisamos ouvir.

“Mulheres e Soberania Alimentar – Sementes de mundos possíveis”, construído coletivamente com textos de dez autoras, traz temas como o direito humano à alimentação adequada, políticas de agricultura e produção de alimentos e a necessidade de visibilidade do trabalho das mulheres na garantia de soberania e segurança alimentar.

 

Mulheres e Soberania Alimentar – Sementes de mundos possíveis, Pacs

ISBN: 978-85-89366-50-2

 

Input your search keywords and press Enter.